domingo, 15 de julho de 2012

EU RECOMENDO // L’Antica Dolceria Bonajuto

Por Eliane Valladão (*)
Convidada especial do Gastronomix

“Quando estive na Itália, em 2010, fui com um objetivo concreto, conhecer a mais antiga chocolateria da Sicília. L’Antica Dolceria Bonajuto abriu suas portas em 1880 no pitoresco e barroco vilarejo de Modica, com intenções de vender bolos e doces de origem árabe e espanhola. Entre os doces oferecidos desde aquela época estava o “Xocoàtl” um produto diferente daquele chocolate que se espalhou pela Europa depois da colonização das Américas.
Seguindo as técnicas importadas pelos espanhóis e levadas até a Sicília pelos ibéricos conquistadores, o Xocoàtl produzido até hoje na Bonajuto é praticamente o mesmo que os Astecas comiam há quase 700 anos atrás. Longe de ser um processo industrializado, a produção em Modica da Bonajuto segue ainda os mesmos passos destes antepassados. As sementes de cacau chegam em seu estado bruto, ligeiramente amassadas formando uma pasta ainda com sua manteiga.
Essa pasta é aquecida com temperatura controlada para que fique fluída, nesta etapa se adiciona uma parte de açúcar de confeiteiro e especiarias, que podem ser canela ou baunilha. A massa é misturada e mantida a uma temperatura onde os cristais de açúcar não derretam, fazendo parte integrante do produto final. Daí a massa é transferida para fôrmas e resfriada, ressaltando que em todo o processo não são adicionados componentes externos além do cacau, açúcar e especiarias. 
O resultado final deste processo secular de fazer chocolate é uma barra incrivelmente rústica, de sabor pronunciado e inesquecível. Te faz lembrar porque os Astecas consideravam o chocolate como um alimento divino, ligado à boa saúde e a longevidade. A intensidade dos aromas e o paladar do chocolate da Bonajuto não se comparam a nada do que eu já tenha provado até hoje, sua pureza é inspiradora e instigante, seu sabor é poderoso e remete ao verdadeiro gosto do cacau.

Essa visita a Modica marcou minha vida gastronômica para sempre. Foi a partir daí que entendi a importância de se trabalhar valorizando o cacau e não os complementos que estamos acostumados a comer junto a ele. Essa semente mágica, capaz de influenciar nossas sensações, hormônios e até a nossa saúde merece mais atenção do que estamos acostumados a dar na hora de comer e comprar chocolate.”
L’Antica Dolceria Bonajuto
Corso Umberto I, 159
Modica, Itália
Telefoen: 0932 941225

(*) Eliane Valladão é chocolatièré e proprietária da Cacahuá. Diariamente produz em sua fábrica chocolates com matéria-prima belga, sem adição de gordura hidrogenada, conservantes e colorantes artificiais. 

2 comentários:

Tati Sabadini disse...

Modica mais uma vez no blog! Que maravilha! Realmente a chocolateria vale a visita e qualquer degustação!

Georgeth Bitar disse...

Esta sugestão está registrada para a minha não distante viagem à Itália.