domingo, 28 de agosto de 2011

EU RECOMENDO // Um paraíso em Mendoza


Por Ana Clara Carvalho (*)
Convidada especial do Gastronomix

“Um lugar que ficou em minha memória e eu recomendo é o restaurante da Vinícola Tempus Alba, em Mendoza, na Argentina. É uma reunião de sensações que apuram nossos sentidos!

Além de a vinícola ser belíssima, lá também funciona um moderno centro de pesquisa genética com as videiras e o visitante acompanha o passo a passo de clones de vinhas, e termina conhecendo toda a arte da vinificação, assemblages e aromas...

Depois do tour pela vinícola, sugiro subir as escadas e se encantar com a beleza de estar aos pés da grandiosa Cordilheira dos Andes em uma varanda charmosa e acolhedora olhando as parreiras e as plantações de oliveiras, tomando uma deliciosa taça de vinho, beliscando gostosuras preparadas com produtos locais.

O serviço acolhedor é feito pelo proprietário, um apaixonado por vinhos, tecnologia e pelo nosso país.Ele inclusive tem uma casa de praia em Florianópolis. Muito conversador, ele conta muitas histórias mendocinas, técnicas de produção, o que fazer na cidade. Você sai de lá encantado e conhecendo um pouco mais do fabuloso mundo do vinho! Eu recomendo!”

Vinícola Tempus Alba
Perito Moreno 572. Coquimbito
Mendoza - Argentina
Telefone: +54 261 4813501

(*) Ana Clara Carvalho é brasiliense, tem 27 anos, comanda a área de vinhos do Gero Brasília, como primeira sommelière e maitresse executiva. Formada em Turismo, com especialização pela Associação Brasileira de Sommelièrs – ABS, ela ainda estudou as etapas de produção de vinhos em Douro; Toscana; Bourgogne e Mendoza. Além disso, Ana Clara já passou pela Ásia e pela Europa explorando outros temperos, texturas e sabores.

3 comentários:

Simone Bassi disse...

Que linda minha amiga!
Que saudades, que orgulho!
Fico muito feliz de estar na sua terrinhaa!! Bjo no coraçao!

Lecy Carvalho Amaral disse...

Esta é minha filha! Que orgulho! Te amo.

Alexandre Barbosa disse...

Belas dicas! As vinícolas da Argentina são realmente muito bonitas e aconchegantes!
Fiquei muito interessado pela pesquisa genética com as videiras, quero conhecer mais.