segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

EU RECOMENDO // Com tradição, história e sabor

Gisele Gama Andrade (*)
Convidada especial do Gastronomix

A mais ou menos 100 km de Brasília, a caminho de Goiânia, há um lugar a ser visitado: Olhos D’água. A cidade, parte do município de Alexânia, tem sido aos poucos povoada de brasilienses e candangos que lá encontram a paz e a tranquilidade típicas dos vilarejos de interior.
A cidade, por si só, já vale a visita, mas o grande tesouro se esconde nas mãos de Paulo e de Ana, ele um estudioso e mago da gastronomia,  ela uma habilidosa artista e anfitrião, que há sete meses comandam o restaurante ComTradição.
A primeira vez que estive lá foi uma surpresa muito agradável.  Nas festas de fim de ano, com a cidade cheia, fui recebida pelo casal Paulo e Ana como se nos conhecêssemos há muito tempo. O ambiente, para lá de acolhedor, um misto de galeria e bistrô, nos dá a ideia de estarmos sendo recebidos em sua casa. A música ao fundo, sempre deliciosa, nos convida a uma estada longa, como devem ser os almoços na roça.
As varandas que cercam o restaurante são convidativas. As famílias se espalham, com as crianças brincando livremente, como no quintal de casa.
As fotografias de Ana, emolduradas em madeira rústica, estão espalhadas por toda parte, dando um toque especial ao lugar.

Mas o melhor da experiência é, sem dúvida, a culinária. O cardápio é verdadeiramente sensacional. Convidei Paulo e Ana, em uma de minhas visitas ao local, a se sentarem à minha mesa, o que prontamente fizeram, sempre com grande simpatia.
Quis saber sobre o conceito do lugar e o porquê de seu nome. Paulo, pacientemente, me explicou que o restaurante procura resgatar as tradições culinárias de nossa terra, que vem sendo apagadas pela correria do cotidiano. Lá, os produtos industrializados são mínimos. Tudo é feito da forma mais natural possível. A pesquisa é parte constante do cardápio, que procura agregar sabores tradicionais a paladares exigentes. A comida, feita em fogão à lenha, é cozida sem pressa, com matéria-prima fornecida por agricultores do entorno, sem agrotóxicos ou pesticidas.
Os risotos de banana , morango e espinafre são divinos, sempre acompanhados de uma boa carne.
Mas o prato mais espetacular do restaurante é, sem dúvida, o barreado. Ele é fruto de um longo estudo e de muitos testes. Paulo queria oferecer no restaurante algo que justificasse que os brasilienses se deslocassem de suas casas até lá. Na minha opinião, conseguiu. O barreado mistura as tradições indígenas, portuguesas e africanas, e é feito com o vagar que exige a comida da roça. De frango caipira, carne de porco ou de vaca, é fartamente acompanhado por deliciosos sabores. É uma experiência gastronômica inigualável, um verdadeiro resgate de sensações. Vale conferir!
ComTradição
Olhos D´Água - Goiás
Reservas: (62) 3322-6211 ou pelo email reservas@comtradicao.com.br
(*) Gisele Gama Andrade é diretora-presidente da Abaquar Consultores, empresa que trabalha com projetos educacionais e sociais. Ela se define como cariocandanga, pé lá, pé cá, cidadã do mundo. A missão de Gisele é melhorar a educação brasileira, como é a dos que me cercam. Sempre com a cabeça a mil, a educadora só gosta de aventuras urbanas.

Um comentário:

Anônimo disse...

A comida realmente tem uma cara boa, de vez em quando passo nas redondezas e pretendo conhecer esse restaurante. Valeu a dica! Laura